Júri absolve mulher que matou cunhado após agressões à irmã no Piauí

  • 15/05/2024


O caso aconteceu há 17 anos, em novembro de 2007. Sandra Maria da Silva foi presa preventivamente após o crime, mas passou a responder o processo em liberdade. Cena de homicídio em Teresina Reprodução/TV Clube Sandra Maria da Silva foi inocentada do crime de homicídio durante sessão do Tribunal do Júri em Picos, na terça-feira (14). A mulher foi processada pela morte do cunhado, em 2007, mas o Conselho de Sentença considerou que Sandra agiu para defender a si e a irmã, que estava sendo agredida por ele. ✅ Siga o canal do g1 Piauí no WhatsApp Em novembro de 2007, Sandra foi presa por ter assassinado o cunhado a facadas, após ele ter agredido sua irmã. “A irmã da ré era vítima recorrente de violência doméstica por parte do companheiro, e no dia do crime, o mesmo queria agredi-la, mesmo ela estando grávida e com duas crianças pequenas.”, destacou a promotora Nayana da Paz. Ainda conforme a promotora, Sandra foi presa preventivamente após o crime, mas passou a responder ao processo em liberdade. Compartilhe esta notícia no WhatsApp Compartilhe esta notícia no Telegram Com a tese apontada pelo Ministério Público do Estado do Piauí (MP-PI) de legítima defesa, depoimentos das testemunhas e provas, os jurados absolveram a mulher sob a justificativa de que ela agiu em defesa própria e da irmã. A Sessão do Júri ocorreu no Fórum da Comarca de Picos. *Estagiária sob a supervisão de Andrê Nascimento 📲 Confira as últimas notícias do g1 Piauí 📲 Acompanhe o g1 Piauí no Facebook, no Instagram e no Twitter VÍDEOS: Assista às notícias mais vistas da Rede Clube

FONTE: https://g1.globo.com/pi/piaui/noticia/2024/05/15/juri-absolve-mulher-que-matou-cunhado-apos-agressoes-a-irma-no-piaui.ghtml

Aplicativos


Locutor no Ar

Programação AutoDj

Suplemento musical 24hs no Ar

Peça Sua Música

No momento todos os nossos apresentadores estão offline, tente novamente mais tarde, obrigado!

Anunciantes